Mais do que um retrato, é uma experiência inesquecível!

Em 2012 trouxemos para Lisboa um novo conceito de fotografia: a fusão de técnicas fotográficas oitocentistas com a estética do século XXI. No Silverbox fazemos retratos em grande formato, com um processo fotográfico de 1851 chamado Colódio Húmido. Apostamos na expressividade singular dos métodos fotográficos históricos e na sua conjugação com uma estética contemporânea, que abrem um leque de possibilidades e de um imaginário sem limites.

Fazemos tudo como antigamente: estudam-se as poses, escolhe-se a melhor iluminação, tudo com calma, porque cada pessoa é única.

Fotógrafo e modelo dão largas à imaginação, e ao acaso, pois neste tipo de fotografia – quase alquímica – são duas coisas importantes para a criação de imagens únicas, que de outra forma, não seriam possíveis.

A ambiência do estúdio e as máquinas fotográficas antigas remetem-nos para uma Lisboa Camiliana e romântica. Ser retratado como antigamente, posar durante alguns segundos e ver o nosso rosto surgir durante a revelação, parece magia.

No nosso estúdio, uma visita ao laboratório e assistir à revelação das fotografias é obrigatório!